Comunicação 5 Comunicados de Imprensa

38 CEO portugueses apelam à ação pelos Direitos Humanos
5 Set 2019

38 líderes empresariais nacionais juntam-se no apoio à promoção dos direitos humanos, subscrevendo o Guia do CEO sobre Direitos Humanos, lançada em junho pelo BCSD Portugal. O Guia é um manual para promover um maior envolvimento da gestão das empresas na melhoria das condições de vida dos colaboradores e das comunidades.

 

Presidentes e CEO portugueses subscrevem a versão portuguesa do Guia do CEO sobre Direitos Humanos, relançada hoje pelo BCSD Portugal. São 38 os empresários e gestores que se comprometem e desafiam os seus pares para uma maior ambição na promoção dos direitos humanos nas suas organizações e nas suas cadeias de valor, indo para além da gestão de risco e do cumprimento dos quadros legislativos e regulatórios, na busca de transformações positivas na vida das pessoas.

O Guia do CEO sobre Direitos Humanos identifica aspetos importantes em matéria de direitos humanos que desafiam as empresas a agir: a regulação está cada vez mais exigente e cada vez mais alinhada com as expectativas dos investidores e da sociedade em geral.

As 29 novas empresas que se juntam agora a este projeto são: Águas de Portugal, Aon Portugal, APCER, BSD Consulting Portugal, Carglass, CGD, CTT, Deloitte Portugal, Edia, Everis Portugal, Fujitsu Portugal, Galp, Jerónimo Martins, José de Mello Saúde, Lipor, Metropolitano de Lisboa, Millennium bcp, Grupo Mota-Engil, NOS, REN, Resíduos do Nordeste, S317 Consulting, Secil, Soja de Portugal, Solvay Portugal, Super Bock Group, Sustain Azores, The Loyal Advisory Company, e Vieira de Almeida & Associados.

A Altri, a BA Glass, a Efacec, a Eurest e a Tintex, também associadas do BCSD Portugal, são signatárias do Guia do CEO sobre Direitos Humanos desde o primeiro momento, em junho, quando o Guia foi inicialmente apresentado.

A Brisa, a EDP, a Sonae e a The Navigator Company, empresas membro do World Business Council for Sustainable Development (WBCSD) e também do BCSD Portugal, subscreveram a versão original do CEO Guide to Human Rights, lançada pelo WBCSD.

“O respeito pela dignidade humana é um princípio que deve presidir a todas as relações, incluindo as que têm lugar na esfera empresarial. Num mundo em que vivemos situações de risco permanentes, quer no plano ambiental, com a emergência climática, quer no plano social, com as migrações, apenas para dar alguns exemplos, é crucial que as empresas integrem o respeito pelos Direitos Humanos na gestão responsável do seu negócio e potenciem os impactos positivos que podem ter na sociedade. Desenvolver relações de respeito e equidade com todos os seus parceiros, desde os colaboradores às comunidades envolventes, e prevenir situações de risco para os direitos humanos na sua cadeia de valor, é da maior importância neste contexto”. Descreve João Castello Branco, CEO da The Navigator Company e Presidente do BCSD Portugal.

E acrescenta que “as empresas que integram o BCSD Portugal procuram seguir as melhores práticas neste domínio e promover a sua partilha. Por isso, assumimos publicamente o nosso compromisso em respeitar os Direitos Humanos.”

Acerca do Guia, o Secretário Geral do BCSD Portugal, João Wengorovius Menezes, recorda que “O investimento em ações sociais e a mitigação dos impactos negativos colocam-se como fatores decisivos para a melhoria das condições de negócio e caminham no sentido da concretização de diferentes metas dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030 das Nações Unidas”, para afirmar “estamos convictos de que a partilha das experiências empresariais auxilia as suas lideranças no reconhecimento de oportunidades e necessidades de atuação ao nível dos direitos humanos”.

Sobre o Guia do CEO sobre Direitos Humanos:

O Guia do CEO sobre Direitos Humanos é a versão portuguesa do CEO Guide for Human Rights, lançado em Junho de 2019 pelo World Business Council for Sustainable Development (WBCSD) e é da responsabilidade do Conselho Empresarial para o Desenvolvimento Sustentável (BCSD Portugal) e do Conselho Empresarial Brasileiro pelo Desenvolvimento Sustentável (CEBDS).

O CEO Guide for Human Rights foi subscrito por 43 empresas, de 17 países, com 2,8 milhões de colaboradores diretos e uma cadeia de valor global vasta e transversal a 17 setores empresariais.

O CEO Guide for Human Rights é resultado de uma colaboração entre o WBCSD, os CEO das empresas-membro e a Shift. Além do original em inglês e da versão portuguesa, o Guia estará disponível em mais duas línguas, francês e espanhol. O Guia do CEO sobre Direitos Humanos em português pode ser descarregado neste link e em inglês aqui.

Os CEO portugueses que subscrevem o Guia do CEO sobre Direitos Humanos são:

• João Nuno Mendes, CEO, Águas de Portugal
• Paulo Fernandes, Presidente do Conselho de Administração, Altri
• Pedro Penalva, CEO, Aon Portugal
• José Leitão, CEO, APCER
• Sandra Santos, CEO, BA Glass
• Vasco de Mello, CEO, Brisa
• Francisco Neves, Managing Director, BSD Consulting Portugal
• Jorge Muñoz Cardoso, Diretor Geral, Carglass
• Paulo Moita de Macedo, Presidente da Comissão Executiva e CEO, Caixa Geral de Depósitos
• João Bento, Presidente Executivo e CEO, CTT
• António Lagartixo, CEO, Deloitte Portugal
• José Pedro Salema, Presidente do Conselho de Administração, EDIA
• António Mexia, CEO, EDP
• Ângelo Ramalho, CEO, Efacec
• Henrique Leite, Diretor Geral, Eurest Portugal
• Miguel Teixeira, CEO, Everis Portugal
• Carlos Barros, Diretor Geral, Fujitsu Portugal
• Carlos Gomes da Silva, CEO, Galp
• Pedro Soares dos Santos, Chairman e CEO, Jerónimo Martins
• Salvador de Mello, Chairman e CEO, José de Mello Saúde
• Aires Pereira, Presidente do Conselho de Administração, Lipor
• Vitor Domingues dos Santos, Presidente do Conselho de Administração, Metropolitano de Lisboa
• Miguel Maya, CEO, Millennium bcp
• Gonçalo Moura Martins, CEO do Grupo Mota-Engil
• Miguel Almeida, CEO, NOS
• Rodrigo Costa, CEO, REN
• Hernâni Dias, Presidente do Conselho de Administração, Resíduos do Nordeste
• Filipe Morais Vasconcelos, Managing Partner, S317 Consulting
• Otmar Hübscher, CEO, Secil
• António Isidoro, Presidente do Conselho de Administração, Soja de Portugal
• Luís Saldanha da Gama, Administrador Delegado, Solvay Portugal
• Cláudia Azevedo, CEO, Sonae
• Rui Lopes Ferreira, CEO, Super Bock Group
• Joana Borges Coutinho, Founder & Chairwoman, Sustain Azores
• Mafalda Henriques, Managing Partner, The Loyal Advisory Company
• João Castello Branco, CEO, The Navigator Company
• Jorge Mário Silva, CEO, Tintex
• João Vieira de Almeida, Managing Partner, Vieira de Almeida & Associados

 

Sobre o BCSD Portugal 

O Business Council for Sustainable Development (BCSD) Portugal é uma associação sem fins lucrativos, que agrega e representa mais de 100 empresas de referência em Portugal, que se comprometem ativamente com a transição para a sustentabilidade. É sua missão apoiá-las na jornada para a sustentabilidade, através do desenvolvimento de soluções sustentáveis, capazes de responder aos desafios das suas cadeias de valor e, desse modo, contribuir para um modelo de desenvolvimento sustentável, em Portugal e no mundo. 

O BCSD Portugal desenvolve a sua atividade em diversos domínios, nomeadamente da neutralidade carbónica, da biodiversidade, da cadeia de valor, da economia circular, das finanças sustentáveis e das cidades sustentáveis. Integra a rede mundial do World Business Council for Sustainable Development (WBCSD), a maior organização internacional empresarial a trabalhar a área do desenvolvimento sustentável, com mais de 200 empresas associadas em diferentes países e 68 organizações independentes nos cinco continentes, que em conjunto representam cerca de 10% do PIB mundial. 

Ajuda as empresas associadas na jornada para a sustentabilidade, promovendo o impacto positivo para stakeholders, a sociedade e o ambiente. 

Em Novembro de 2017, publicou a Carta de Princípios do BCSD Portugal, que estabelece os princípios que constituem as linhas orientadoras para uma gestão comprometida com a sustentabilidade, incentivando os subscritores a ir além do cumprimento legal, adotando normas e práticas reconhecidas e alinhadas com padrões de gestão éticos, sociais, ambientais e de qualidade, em qualquer contexto da economia global. 

Saiba mais sobre o BCSD Portugal em Site | LinkedIn 

Partilhe este artigo

+ Comunicados de Imprensa

BCSD Portugal promove 2ª temporada de Conversas sobre Sustentabilidade

No dia 4 de dezembro, das 11h às 13h, o BCSD Portugal organiza a II Conferência Online | Empresas pela Biodiversidade, onde será lançada uma publicação com os compromissos individuais a atingir por estas 16 empresas em prol de sociedades saudáveis, economias resilientes e negócios prósperos, respeitando a natureza.

read more

15 empresas nacionais partilham compromissos pela biodiversidade

No dia 4 de dezembro, das 11h às 13h, o BCSD Portugal organiza a II Conferência Online | Empresas pela Biodiversidade, onde será lançada uma publicação com os compromissos individuais a atingir por estas 16 empresas em prol de sociedades saudáveis, economias resilientes e negócios prósperos, respeitando a natureza.

read more

Leia os press releases online. Por um desenvolvimento sustentável.