Conferência Anual BCSD Portugal 2014
8 Out 2014

A Conferência Anual do BCSD Portugal é um evento empresarial, que serve de palco ao que de melhor se faz em desenvolvimento sustentável em Portugal e no mundo. O evento junta 350 a 400 pessoas, entre CEO, líderes de opinião, quadros intermédios de várias áreas como a sustentabilidade, ambiente, comunicação, recursos humanos ou energia.

Este ano o tema central da conferência é a “Agenda para um País Sustentável – A liderança estratégica das empresas e o valor das parcerias para a construção de uma sociedade sustentável”. Tem também especial destaque o capital humano com a sessão “Competências críticas do capital humano até 2020” e a eficiência energética, com a sessão “Acrescentar valor com eficiência energética”. A Conferência Anual do BCSD Portugal decorre na Culturgest, no próximo dia 29 de Outubro.

Programa Conferência

Ver programa

ORADORES

Painel de debate “Agenda para um País Sustentável – A liderança estratégica das empresas e o valor das parcerias para a construção de uma sociedade sustentável”

Líderes empresariais dos setores agroalimentar, papel, gestão de resíduos, financeiro e serviços, vão explicar como, nas suas organizações, a liderança e a realização de parcerias estratégicas têm sido fundamentais para o progresso dos seus negócios

 

António Isidoro – Administrador do grupo Soja de Portugal

Integrou o Montepio entre 1996 e 2009, ano em que assume funções de administrador executivo no universo das participadas da SOJA DE PORTUGAL. É licenciado em Gestão Bancária e conta com uma pós-graduação em Internacionalização de Empresas.

 

Diogo da Silveira – CEO do grupo Portucel Soporcel

Fez parte do Conselho de Administração de várias empresas líderes Portuguesas em setores diversos como o retalho, telecomunicações, seguros ou madeira. Foi partner da Mckinsey & Co, logo a seguir a ter iniciado a carreira numa empresa líder japonesa. Licenciado em engenharia pela École Centrale de Lille – França, foi investigador na Berkely UC – EUA e completou o MBA no Insead.

Fernando Leite – Administrador Delegado da Lipor – Serviço Intermunicipalizado de Gestão de Resíduos do Grande Porto

Gestor da LIPOR desde 1980, foi Chefe de Divisão e Diretor de Departamento de Ambiente e da Qualidade de Vida da Câmara Municipal da Maia entre 1988 e 2000, ano em que regressa à Lipor para assumir o cargo de Administrador-Delegado da LIPOR. É licenciado em Economia, e conta com um Programa de Alta Direção de Empresas.

 

José de Matos – Presidente da Comissão Executiva da Caixa Geral de Depósitos

Com um percurso profissional ligado ao Banco de Portugal, Banco Central Europeu, Banco Mundial, Instituto Monetário Europeu, Eurostat e OCDE, recentemente foi Vice-Governador do Banco de Portugal, Substituto do Governador do Banco de Portugal no Conselho de Governadores do Banco Central Europeu (BCE), Membro do Comité de Relações Internacionais do BCE/SEBC, Presidente do Comité de Orçamento do BCE e Membro do Comité Económico e Financeiro da União Europeia. É licenciado em Economia.

José Pedro Salema – CEO da EDIA – Empresa de Desenvolvimento e Infra-Estruturas do Alqueva

Foi CEO na AGROGESTÃO – empresa de serviços tecnológicos para o setor agroalimentar,  consultor na AGROGES, Sociedade de Estudos e Projectos, Lda e formador externo no Ministério da Agricultura e Instituto de Desenvolvimento Rural e Hidráulica. Foi Professor Assistente no Instituto Superior de Agronomia. Licenciado em Engenharia Agronómica, ramo de economia agrária e sociologia rural, é Mestre em Gestão de Empresas e tem um MBA.

Jo Confino

Jo Confino

Editor executivo do jornal britânico The Guardian, chairman e diretor editorial do Guardian Sustainable Business, uma plataforma de divulgação dos temas da sustentabilidade que tem, com bons resultados, conseguido demonstrar que a sustentabilidade é um bom negócio para as empresas e para os cidadãos. Jo Confino é conselheiro do Guardian News & Media e do Guardian Media Group no que diz respeito às estratégias de sustentabilidade. O jornalista vem abordar o state or art do desenvolvimento sustentável no mundo e partilhar um conjunto de exemplos de empresas que já integram a sustentabilidade na estratégia de negócios. Jornalista nos últimos 24 anos, Jo Confino trabalhou em jornais locais e nacionais e foi correspondente de Wall Street para o Daily Telegraph e editor de finanças e empresas do The Guardian.

Jo Confino promete ser honesto quanto aos desafios que enfrentamos e, igualmente, partilhar o seu conhecimento sobre como as empresas estão, com sucesso, a inovar para a sustentabilidade. Esta será a visão de um jornalista – com uma formação de base e experiência na área financeira e com trabalho desenvolvido em várias ONG – sobre os principais desafios que a sociedade enfrenta atualmente e de que forma o universo empresarial pode ser parte importante da solução, num contexto bastante adverso. O formato da sua apresentação será muito interativo, uma vez que tem tanto tempo de intervenção como para perguntas, sendo uma oportunidade para promover a troca de ideias.

 

MODERADORES

David Dinis – diretor do Observador

Enquanto jornalista, editor de política, grande repórter ou editor executivo, passou por jornais como, Semanário, Notícias de Leiria, Diário Económico, Jornal de Notícias, Diário de Notícias e Sol. Jornalista desde 1995.

 

 

 

Moderador do painel de debate “Agenda para um País Sustentável – A liderança estratégica das empresas e o valor das parcerias para a construção de uma sociedade sustentável”

Madalena Queirós – editora Universidades e Emprego no Diário Económico e editora do programa Capital Humano do ETV

Com um percurso marcado na área da educação, foi assessora no Ministério da Educação, editora e jornalista de educação no Diário Económico e editora do programa “Rádio Universidade” na TSF. Na Rádio Comercial foi jornalista especializada em educação, repórter parlamentar, editora das manhãs e chefe de redação. Foi jornalista na área da educação no Jornal Já, jornalista no Correio da Manhã Rádio e jornalista do Programa “Bilhete de Identidade” da RTP 2.

  Moderadora da sessão paralela “Competências críticas do capital humano até 2020” 

Lurdes Ferreira – editora-executiva do Público

Jornalista fundadora do PÚBLICO, tem acompanhado especialmente a área da energia e as respetivas políticas europeias. Escreveu o livro Portugal Bem Regulado – Um Grande Desafio, sobre o impacto da regulação nos sectores de energia e ambiente. Premiada pelo Clube de Imprensa com um trabalho sobre a chegada do gás natural a Portugal. Foi jornalista fundadora de O Independente e passou pela revista Visão, onde foi editora de economia.

 

Moderadora da sessão paralela “Acrescentar valor com eficiência energética”

SESSÃO PARALELA

Competências críticas do capital humano até 2020

De que pessoas vão as empresas precisar nos próximos 5 anos? Quais as competências críticas necessárias para assegurar o sucesso dos negócios num horizonte de médio prazo? Existem colaboradores com estas competências no mercado? A identificação das competências críticas estão adequadamente consideradas no processo de planeamento estratégico das empresas? 

Os objetivos desta sessão paralela passam por alertar as empresas para a importância da identificação de competências críticas, explicar a importância do envolvimento da gestão de topo neste tema, partilhar casos de sucesso de empresas que já identificam competências, perceber o apoio que as entidades governamentais – Ministério da Educação e Ciência e Instituto de Emprego e Formação Profissional – podem dar às empresas na adequação do sistema de ensino e, por último, debater os preconceitos que algumas profissões têm junto dos jovens e das famílias.

Erica Nascimento
CEO na Junior Achievement Portugal

Enquanto CEO, tem como principais responsabilidades o planeamento e a gestão financeira dos programas, operações e recursos humanos da organização. Antes tinha sido diretora regional do centro e sul e gestora de programas da Junior Achievement, a associação que desenvolve o gosto pelo empreendedorismo nas escolas. Iniciou o percurso no Instituto Nacional da Propriedade Industrial como coordenadora das relações internacionais. É licenciada em Relações Internacionais e conta com uma pós-graduação em Gestão.

Diana Guerra
Consultora do Hay Group

Desempenhando funções de consultoria em diversas áreas de capital humano, tem desenvolvido atividade profissional no Hay Group, centrando-se em diversas áreas que focam a gestão de competências dentro das empresas. É licenciada em Ciências da Comunicação e detém um Mestrado em Gestão.

Isabel Barros
Head of Talent Management & Development da Sonae

Responsabilidade pela definição de políticas de gestão estratégica de talento e, simultaneamente, pelo desenvolvimento dos Top Executives, no Grupo Sonae, desde 2011. Entre 2007 a 2010 foi Senior Manager no Hay Group Portugal, onde coordenou projetos internacionais nas áreas de retribuição, otimização organizacional e gestão de talento, em diferentes setores de atividade e geografias. Anteriormente, esteve na direção de recursos humanos de diferentes grupos e docente em instituições académicas. Licenciada em Psicologia pela Universidade do Porto e tem um MBA pela EADA Business School Barcelona e Nagoya International School Japão.

Jorge Gaspar
Presidente do Conselho Diretivo do IEFP – Instituto do Emprego e Formação Profissional

Especialista em emprego e trabalho, foi presidente do Instituto para a Segurança, Higiene e Saúde no Trabalho e vice-presidente do Instituto Superior de Educação e Ciências. Esteve também nos gabinetes da Secretaria de Estado da Administração Local e Reforma Administrativa e da Secretaria de Estado do Trabalho. É professor universitário.

Mafalda Antunes

Psicóloga Educacional no Centro APPT21/DIFERENÇAS – Centro de Desenvolvimento Infantil

Tem vindo a desenvolver trabalho em avaliação e intervenção psicopedagógica nas diferentes perturbações do desenvolvimento, no âmbito da intervenção precoce e integração escolar. Dedica-se ao estudo do comportamento adaptativo – pessoal e comunitário – e à profissionalização de jovens com perturbações do desenvolvimento. É Mestre em Psicologia Educacional.

Ramiro Marques

Professor do Instituto Politécnico de Santarém e elemento dos grupos de acompanhamento da experiência-piloto do ensino vocacional, nomeado pelo Ministério da Educação e Ciência

Integra o Conselho Nacional de Educação e é autor de 35 livros sobre educação, três dos quais publicados em Espanha e um no Brasil. É doutorado e agregado em Gestão Curricular.

SESSÃO PARALELA

Acrescentar valor com eficiência energética

Quais os principais bloqueios à eficiência energética? As empresas reconhecem a rentabilidade dos investimentos em eficiência energética? De que forma é feita a análise financeira de projetos de investimento em eficiência energética? Qual a importância da tecnologia na eficiência energética? Em que medida a eficiência energética depende da alteração de comportamentos? 

A sessão junta responsáveis pela gestão de energia de setores distintos – transportes, serviços e indústria – e representantes de áreas onde habitualmente residem alguns dos bloqueios à eficiência energética – tecnologia e financeira, no que respeita à decisão do investimento e, recursos humanos, no que respeita à mudança comportamental que a eficiência energética exige.

João Silva
Coordinator, Corporate Environment, Operations  da Sonae Sierra

Apoio à implementação e melhoria contínua do sistema de gestão de segurança, saúde e ambiente, com especial foco no negócio de gestão de património. Assistência à estrutura central dos vários países onde a Sonae Sierra está presente e definição de públicos e ações corporativos, de forma a cumprir os objetivos de longo prazo. Antes foi investigador na MARETEC do Instituto Superior Técnico. É Engenheiro de Ambiente, com pós-graduação em Ciências Marítimas, pós-gradução em Coordenação de Segurança no Trabalho da Construção, pós-gradução em Gestão.

Maria da Glória Ribeiro

Fundadora e Managing Partner da Amrop em Portugal

Tem mais de 20 anos de experiência na área do executive search e tem vindo a conduzir missões em vários sectores e para diversas posições. Especialista em liderança e mudança de comportamentos, é co-autora do livro “Liderança para a sustentabilidade”. Tem conhecimento aprofundado em sectores como,  Consumer Goods & Retail, Automotive & Industrial, Life Sciences e Technology / Media / Professional Services. Mestre em Psicologia, conta com uma especialização em Desenvolvimento e Organização Empresarial e forte conhecimento na área de comportamento organizacional.

Mário Vieira

Coordenador na Área de Contratação de Bens e Serviço, ANA Aeroportos de Portugal

Desde 2004 que tem vindo a ser responsável pela gestão de compras de várias categorias, onde se inclui a eficiência energética. Foi representante da divisão de compras e contratação em vários projetos, nomeadamente, na aquisição e implementação do sistema de medição e gestão de dados de consumos energéticos nos aeroportos do Continente e Açores.

Mário Lopes

Diretor de Fábrica de Alhandra da Cimpor

Na Cimpor desde 1991, já foi Diretor de Fábrica de Loulé, Diretor Industrial na Cimpor China, Diretor de Produção das Fábricas de Cimento de Souselas e Alhandra e passou pela Cimpor do Brasil, Egipto e Marrocos. Antes trabalhou no Instituto de Engenharia e Tecnologia Industrial. É licenciado em Engenharia Química.

Mariana Nunes Páscoa
Coordenadora de Ambiente do Grupo Transtejo

Em 2009 integra a Direção de Segurança e Ambiente do Grupo Transtejo e em 2010 assume a Coordenação Ambiental das duas empresas do Grupo: Transtejo – Transportes Tejo e Soflusa –  Sociedade Fluvial de Transportes. Iniciou o percurso profissional na EDP, no Departamento de Segurança da Central Termelétrica do Ribatejo. É licenciada em Engenharia do Ambiente e Pós Graduada em Higiene e Segurança do Trabalho.

Miguel Jardim
Home Networking Program Manager da PT Portugal

Na PT Portugal desde 2005, tem vindo a desempenhar diversas funções de gestão e coordenação na área empresarial e residencial. Iniciou carreira como investigador na Universidade de Aveiro. É licenciado em Engenharia Eletrónica e de Telecomunicações.

Parceiro

Patrocinadores

Compromisso dos patrocinadores com a sustentabilidade

grupo Portucel Soporcel

“Para o Grupo Portucel, o desenvolvimento sustentável constrói-se numa relação de respeito pelo ambiente e pelas pessoas. Começamos na floresta, acrescentando valor a este recurso natural e renovável, inovamos no papel eco-eficiente que exportamos para mais de 100 países, valorizamos os recursos do país e das regiões e contribuímos para a melhoria das condições de vida das comunidades envolventes.”

LIPOR

“O compromisso da LIPOR é ser pessoas, cooperação e responsabilização, é ser valorização, resultados e inovação, é ser produtividade, competitividade, eficiência e referência. Este é o propósito da empresa na abordagem à sustentabilidade, que se traduz na gestão mais adequada do resíduo e na sua valorização como recurso, conjugada com a forte intervenção no desenvolvimento dos parceiros e na criação de riqueza.”

Sonae

“A sustentabilidade e a criação de valor económico e social estão no ADN da Sonae, sendo intrínsecos à nossa forma de estar e de desenvolver as nossas diferentes áreas de negócio. Na Sonae pautamo-nos, sempre, pela conciliação entre desenvolvimento económico, responsabilidade social e proteção do ambiente, suportada numa cultura de valores de ética, verdade, justiça e respeito por todos os stakeholders com quem interagimos.

Partilhe este artigo

Links relacionados

+ Notícias

Europa líder do mundo sustentável

Europa líder do mundo sustentável

A União Europeia (UE) tem liderado os esforços políticos e económicos de combate às alterações climáticas, e tem estado na vanguarda da resposta mundial às exigências do Acordo de Paris. Prova disso...

read more

Leia as notícias online. Por um desenvolvimento sustentável.