Empresas do BCSD com 32 soluções para combater as alterações climáticas
23 Nov 2015

ECONOMIA DE BAIXO CARBONO – Soluções made in Portugal by BCSD” é um projeto do BCSD, idealizado e preparado no âmbito da Cimeira do Clima, COP 21, que vai decorrer em Paris no início de Dezembro, que tem como objetivo identificar as soluções que as empresas membro do BCSD já têm implementadas e que estão a contribuir para reduzir as emissões de CO2 e, consequentemente, combater as alterações climáticas. As 32 soluções de baixo carbono – 19 de eficiência energética, quatro de processos industriais, três de renováveis, três de serviços e três de mobilidade.

A perspetiva do BCSD em relação a este tema é que a transição para uma economia menos intensiva em carbono é vista como uma oportunidade de negócio, para as empresas e pelos agentes que financiam a economia, porque reduz o risco e aumenta a resiliência das organizações empresariais num contexto em grande mudança.

De forma agregada, 17 das 19 soluções de eficiência energética, atingiram uma redução de 21% das emissões de CO2, valor que se encontra em linha com os objetivos definidos no Programa Nacional para as Alterações Climáticas (PNAC), que prevê uma redução dos gases com efeito de estufa entre 18% e 23% até 2020. “ECONOMIA DE BAIXO CARBONO – Soluções made in Portugal by BCSD” é um projeto liderado pelo BCSD, para identificar e partilhar as soluções de redução das emissões de gases com efeito de estufa que as empresas portuguesas já têm em curso. É também um contributo para que as empresas encarem o caminho para uma economia mais sustentável como uma oportunidade para melhorar a competitividade das empresas, o emprego e o bem-estar dos cidadãos.

Partilhe este artigo

Links relacionados

+ Notícias

O futuro da agricultura e da alimentação

O futuro da agricultura e da alimentação

A primeira grande revolução da Humanidade foi a Revolução Agrícola. Desde então, o progresso científico, económico, social e cultural tem sido surpreendente. Sem a Revolução Agrícola, não teriam...

read more

Leia as notícias online. Por um desenvolvimento sustentável.