Seminário Meet 2030 – Intervenções
1 Jun 2017

Seminário “Energia, clima e crescimento económico: oportunidades de negócio para Portugal”

 

O projeto Meet 2030 já vai a meio e o seminário “Energia, clima e crescimento económico: oportunidades de negócio para Portugal” foi realizado para ouvir a OCDE, o CDP e a Comissão Europeia e para servir de momento de reflexão sobre o futuro da economia e das empresas com a Agência Portuguesa do Ambiente e a Secretaria de Estado da indústria.

O Meet pretende introduzir o futuro pela mão das empresas do BCSD, contando com a devida auscultação de entidades públicas e demais stakeholders nacionais e internacionais. O Meet vai mostrar que as restrições ambientais podem ser oportunidades de negócio“, defendeu Sofia Santos, secretária geral do BCSD. O secretário de estado do ambiente está certo de que do Meet 2030 “resultarão muitas ideias para as políticas públicas“. Carlos Martins destacou que o envolvimento do BCSD com o Instituto Superior Técnico é uma forma de aliar o conhecimento científico com o conhecimento das empresas e que “a tradução das ideias que saírem do Meet terão uma escala muito maior do que teriam ideias de cada empresa a trabalhar de forma isolada“.

Richard Baron, team leader da área de mitigação da direção de ambiente da OCDE, afirmou que estamos na era em que é preciso “alinhar esforços para que a economia cresça e se mantenham os imperativos do clima“. E defendeu que os “ministros do ambiente e das finanças precisam de planear as políticas em conjunto“. Em relação aos science based targets – ou, metas de redução com base na ciência – Pedro Faria do CDP afirmou que “são uma bússola para as empresas que querem fazer cumprir o Acordo de Paris e  uma prática que começa a ser generalizada nas empresas que trabalham com o CDP“. Pedro Faria explicou que a “transição para a economia de baixo carbono já está em andamento e que cabe a cada empresa pensar e traçar as suas estratégias“.

O Meet 2030, desenvolvido pelo BCSD em parceria com o Instituto Superior Técnico e com as empresas associadas do BCSD, está a desenvolver cenários para 2030 e a identificar potenciais oportunidades e inovações que possam criar vantagens competitivas para as empresas, de forma a promover um crescimento sustentável da economia.

 

Intervenções

Investir no crescimento, investir no clima: gerir a transição para a descarbonização – Richard Baron, team leader da área de mitigação da direção de ambiente da OCDE

O papel dos science based targets para a inovação e descarbonização – Pedro Faria, diretor técnico do CDP

A economia europeia de baixo carbono: futuros possíveis – Akshay Patki, Unidade de avaliação estratégica e económica da DG Clima da Comissão Europeia

Meet 2030: incertezas, cenários e tecnologias para Portugal – Tiago Domingos, professor associado do Instituto Superior Técnico (IST) e António Alvarenga, diretor executivo da ALVA Research and Consulting

 

FOTOGRAFIAS DO SEMINÁRIO

Aceite o desafio e venha conhecer o Meet 2030

 

Partilhe este artigo

Links relacionados

+ Notícias

BCSD Portugal lança Guia do CEO para a Bioeconomia Circular

BCSD Portugal lança Guia do CEO para a Bioeconomia Circular

O BCSD Portugal lançou o Guia do CEO para a Bioeconomia Circular, que visa dar aos líderes empresariais uma compreensão do conceito e das oportunidades que a Bioeconomia Circular tem para oferecer ao setor privado. O reconhecimento de que o capital natural é finito obriga hoje as empresas a uma enorme e rápida adaptação das suas atividades e operação da cadeia de valor, no sentido de incorporar os princípios da Bioeconomia Circular.

read more
BCSD Portugal junta-se à iniciativa mundial Call on Carbon

BCSD Portugal junta-se à iniciativa mundial Call on Carbon

Foi lançada hoje a Call on Carbon, uma iniciativa global conjunta Climate Leadership Coalition, Haga Initiative e Skift Business Climate Leaders da qual o BCSD Portugal é parceiro e signatário, a par do Corporate Leaders Group Europe e da CER – Sustainable Business Network, com o objetivo de aumentar os investimentos climáticos e a tarifação do carbono.

read more

Leia as notícias online. Por um desenvolvimento sustentável.